sábado, 9 de outubro de 2010

Corpo de Bombeiros alerta para o perigo das queimadas em Santarém


O hábito de atear fogo em terrenos baldios tem causado grandes transtornos à segurança e à saúde da população Santarena.

Conforme dados do 4º Grupamento de Bombeiros Militar de Santarém (4º GBM), o quartel tem registrado uma média de aproximadamente 10 incêndios ocasionados, e na sua grande maioria os responsáveis pelo ato criminoso não são localizados.

Na tarde da última quarta-feira (06/10), por volta das 13h30, horário de entrada dos estudantes, a direção da Escola Hilda Mota, localizada na Avenida Curuá-una, comunicou mais uma caso. Dessa vez o fogo foi ateado em um terreno que fica ao lado da escola e graças à ação dos militares o fogo foi controlado e não se alastrou.
De acordo com a Tenente BM Patrícia Fonseca, que comandou a operação, essa prática se torna comum nesse período de verão, principalmente pela facilidade em que o fogo se alastra pela vegetação. “A gente percebe que a vegetação está muito seca, então acaba tendo o risco desse fogo se alastrar muito rápido e atingir residências que estejam próximas. Agora, por exemplo, nós estamos em uma área próxima a uma escola e as crianças estavam em aula, o que demonstra que esses são alguns dos riscos que essa prática acaba causando”, declarou.
Segundo o Major Tavernard, comandante do 4º GBM, algumas providências já estão sendo tomadas no sentido de conscientizar a população sobre a necessidade de não atear fogo em terrenos baldios. Ele informou que já solicitou ajuda da Secretaria Municipal de Meio Ambiente para tentar solucionar esse problema que está se intensificando no município.

Por Martha Costa

Imprima esta Postagem

2009-2013 * 4º GBM-PA *Customizado por Marcelo Quemel * Melhor visualizado no Google Chrome e Firefox